Quem acha que gadgets como o iPad são dedicados exclusivamente no consumo de conteúdo, e não na criação, vai ter que melhorar seu argumento. Depois de ver este vídeo, em que David Jon Kassan pinta um fantástico retrato usando o app Brushes na tablet da Apple, não tem como negar que o potencial do gadget para usuários criativos é limitado apenas pelo software que roda nele.

O vídeo abaixo tem pouco menos de oito minutos, mas ele é na verdade uma versão acelerada de três horas de trabalho (legal como a bateria do iPad aguenta o tranco):

Como diria Walt Mossberg, “É o software, estúpido!” Até hoje os aparelhos móveis foram focados em consumo, então é natural que seja esse o primeiro papel que atribuímos a uma nova tecnologia do tipo. Contudo, à medida que desenvolvedores criarem novos aplicativos para o iPad, as possibilidades desses gadgets que podemos levar para todo lugar vão se expandir grandemente.

Você pode pintar com um iPad, gravar um podcast, retocar imagens, escrever textos, fazer uma pintura inteira… E isso só com o hardware e os aplicativos que já existem. Imagine as possibilidades que o futuro trará!

Fonte: http://macmagazine.uol.com.br/2010/06/29/video-pintando-com-um-ipad-um-artista-faz-um-retrato-impressionante-em-tres-horas/