Você acha que merece uma vaga na Copa do Mundo? Então vamos começar pelo comportamento e bom senso: jamais clicar em e-mails de golpistas que pegam carona na “grande festa do futebol”. Recentemente, dois golpes estão se espalhando pela internet através de e-mails. Em ambos os casos existem promessas de prêmios e referências à Copa do Mundo da África.

Um dos golpes usa a imagem da Coca-Cola e a marca da Fifa (imagem acima) para simular a promoção “Carregadores da Bandeira”. Ao colocar o mouse sobre a imagem, você percebe que o endereço que aparece na barra inferior (como apontam as flechas em vermelho na imagem acima) não tem qualquer relação com a Coca-Cola. Isso já seria motivo para um alerta, não? O link ainda aponta para um arquivo malicioso com extensão executável (.exe), que pode danificar seu computador ou roubar senhas. O remetente da mensagem aparece como “[email protected]”.

Em comunicado oficial, a Coca-Cola Brasil alerta os usuários para deletarem a mensagem:“A promoção Coca-Cola Carregadores de Bandeira encerrou no dia 21/04 e apenas enviou e-mails de divulgação para consumidores inscritos em sua base de dados e que assim o tenham permitido claramente. Nestes casos, o remetente era o [email protected] Sugerimos que outros usuários que tenham recebido e-mails com convite para inscrição na promoção apaguem imediatamente a mensagem e não cliquem em nenhum link.”

O segundo caso envolve um anexo em formato .pdf e o nome “Mrs. Michelle Martins”, tradicional referência a golpes na internet, como o Golpe da Nigéria. A tática aqui é fazer o usuário acreditar que ganhou uma loteria online da Copa do Mundo. “O spam traz um arquivo pdf com detalhes sobre um suposto prêmio de loteria. Ele também pede que o destinatário forneça suas informações pessoais e as envie de volta ao remetente, para que o ganho possa ser reivindicado”, diz um comunicado da TrendLabs. Em algumas versões, o remetente do e-mail aparece como “Geoff Thompson, vice-presidente da Fifa”.

É provável que surjam novos golpes se aproveitando da Copa do Mundo para enganar você. Portanto, vale ficar atento e seguir as regras: desconfiar de remetentes desconhecidos e promessas milagrosas.

Fonte: http://uoltecnologia.blog.uol.com.br/arch2010-05-09_2010-05-15.html#2010_05-13_10_30_22-141838948-26