O Ginga está ficando internacional. Brasileiros envolvidos no desenvolvimento da ferramenta responsável pela interatividade no Sistema Brasileiro de TV Digital começam a se destacar em grupos internacionais de padronização. Isso, certamente, vai ajudar muito na internacionalização do sistema.

Enquanto Aguinaldo Boquimpani, da TQTVD, passa a integrar o JCP (Java Community Process), Marcelo Moreno, da PUC-Rio e chefe da Comunidade Internacional Ginga, retornou da última reunião na União Internacional de Telecomunicações (UIT) como relator adjunto da Q13/16 (que trabalha na padronização de plataformas e sistemas de aplicações multimídia para IPTV). Ele também é presidente de dois “sub-grupos”, o de Frameworks para Aplicações Mutimídia e o de Conformidade e Interoperabilidade.

Outra novidade importante, informada por Moreno aos integrantes da Comunidade Internacional Ginga, é que a UIT aprovou a primeira versão de testes de especificação para o Ginga-NCL. O documento acaba de ganhar o status de “rascunho de recomendação” (draft-recommendation). Em breve, um resumo do documento estará disponível no site da comunidade Ginga. A suíte de testes de especificação para o Ginga-NCL será utilizada em três eventos programados para julho (Suíça), setembro (Singapura) e Dezembro (Índia).

A UIT deve criar um site próprio, onde deixará disponível, entre outras informações relacionadas com a TV digital, referências para documentos técnicos disponíveis hoje nos sites www.ncl.org.brwww.softwarepublico.gov.br.

Fonte: http://revistahometheater.uol.com.br/site/tec_noticias_02.php?id_lista_txt=6391