Uma carteira feita de fibra de carbono, com leitor biométrico e que avisa quando é levada para longe do dono. Parece truque de filme de espionagem, mas é o que promete a TungstenW, misto de gadget e acessório de moda lançado na quarta-feira (21/4) em Nova York (EUA).

Produzido pela empresa de mesmo nome, a TungstenW capricha nos itens de segurança. Por exemplo, ela só abre com a leitura da digital do dono, por meio de um leitor biométrico que já é comum em notebooks corporativos.

A carteira também tem conexão Bluetooth – ao ser emparelhada com o celular, ela avisará se a distância entre o aparelho e a carteira for maior que 10 pés (cerca de 3 metros).

Mas e se o ladrão levar também o celular e decidir rasgar a carteira no conforto do seu esconderijo? Para garantir inviolabilidade, a TungstenW é produzida com fibra de carbono, que segundo o fabricante é quase indestrutível e manterá “seu dinheiro e suas informações pessoais seguras”, avisa o comunicado da empresa.”O TungstenW servirá como seu cofre pessoal móvel”, define o CEO Marvin Chaney, da Aegis Innovations, empresa-mãe da TungstenW.

Mais que proteger o dinheiro do dono, a TungstenW evita que ele tenha seus dados pessoais roubados – um perigo que Chaney, da Aegis, sabe como mensurar. “Mais de 40% dos roubos de identidade começam com um furto de carteira”, diz.

A carteira inviolável deverá ser vendida no site da empresa e por meio de catálogos de produtos de luxo, e chegará a tempo para o Natal de 2010, por 599 dólares (cerca de 1.050 reais). Tanta segurança, afinal, tem seu preço.

Fonte: http://idgnow.uol.com.br/blog/glog/2010/04/22/empresa-usa-tecnologia-para-criar-carteira-a-prova-de-ladrao/