Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (Cptec) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) está investindo 50 milhões de reais na implantação de um novo supercomputador para processar e prever informações meteorológicas. A atualização também vai aprimorar o sistema de prevenção de desastres naturais do CPTec, ajudando a minimizar os impactos de ocorrências como as fortes chuvas que atingiram o Estado do Rio de Janeiro.

O projeto de atualização do parque computacional do Cptec, que será anunciado pelo Ministério da Ciência de Tecnologia (MCT) na próxima semana, envolve a aquisição de uma máquina com 30 mil processadores da empresa norte-americana Cray Inc.. “Este novo supercomputador vai posicionar o Brasil como um dos maiores centro de análises meteorológicas do Hemisfério Sul”, afirma o coordenador geral doCptec, Luiz Augusto Machado.

A escolha do supercomputador da Cray foi realizada em uma licitação encerrada em março. A atualização também compreende toda a infra-estrutura, incluindo a parte elétrica, softwares de medição desenvolvidos internamente e contratação de pessoal especializado, detalha Machado.

“Hoje temos um supercomputador da NEC com 16 processadores, que está no fim de sua vida útil, além de um cluster com máquinas da Sun Microsystems, que soma 1.100 processadores”, informa Machado.

O coordenador do Cptec prevê que o parque computacional atualizado entre em operação até o início de 2011.

O investimento deve refinar as previsões meteorológicas do Centro. No caso mais recente do Rio de Janeiro, o Cptec conseguiu prever a chegada das chuvas e alertar a Defesa Civil, mas seu sistema não identificou a intensidade e a localização precisa da ameaça.

Machado afirma que a tecnologia atual já permite alertar cidadãos sobre desastres naturais via mensagens de texto (SMS) pelo celular, “mas a competência é da Defesa Civil”. Segundo ele, o CPTec reuniu-se recentemente com representantes da Defesa Civil nacional e de suas regionais para estabelecer um protocolo de alerta sobre desastres no Brasil.

Fonte: http://computerworld.uol.com.br/tecnologia/2010/04/12/cptec-investe-r-50-milhoes-em-atualizacao-de-parque-de-ti/