A Western Digital (WD) anunciou nesta quinta-feira (14/10) que passa a fabricar seus discos rígidos em território brasileiro, mais precisamente na Zona Franca de Manaus. A empresa fez uma parceria com a Digitron e produzirá 175 milhões de dólares em discos rígidos no primeiro ano de operação.

A WD fez um investimento inicial de cinco milhões de reais para iniciar a produção, valor esse que pode chegar a 10 milhões conforme o aumento da demanda.  Esse número corresponde a cerca de 2% do investimento mundial da empresa no mundo.  A partir do acordo entre a Western Digital e a Digitron, 50 postos de trabalho serão criados na região.

Dentro da produção de 175 milhões de dólares, a empresa calcula que fabricará até quatro milhões de HDs no primeiro ano, com um preço médio de 85 reais por unidade. Nos primeiros 12 meses, a companhia divulgou que a demanda será direcionada apenas ao Brasil e que não há planos de exportar os discos para outros países da América Latina.

Com 31% de participação do mercado mundial de HDs, a empresa produzirá discos de até 1TB no País. “A nova operação otimizará a cadeia de suprimentos da WD para os clientes OEM e distribuidores brasileiros, além de fortalecer ainda mais nossa capacidade de atender  ao enorme crescimento da demanda por armazenamento no país”, comentou Scott Davis, vice-presidente de vendas mundial da WD para canais. “Temos uma penetração abaixo do esperado no mercado brasileiro e, com o início das operações no País, além de preços mais competitivos, esperamos aumentar a nossa participação por aqui”.

Fonte: http://idgnow.uol.com.br/computacao_corporativa/2010/10/14/western-digital-comeca-a-produzir-hds-no-brasil/