O Twitter pretende apresentar na próxima terça-feira (27/9) o seu mais recente produto para monetizar a plataforma: trata-se do Promoted Acounts, uma espécie de “perfil patrocinado”, em que as empresas pagarão para ser incluídas no item “Quem seguir”. Isso permitirá que elas ganhem seguidores adicionais e, consequentemente, mais visibilidade.

Segundo o site All Things Digital, os primeiros indícios deste produto vazaram há dois meses. Nesse período, ele ainda estava na fase de concepção.

Os anunciantes do Promoted Accounts serão direcionados a usuários que, em tese, são mais receptivos às marcas em questão, usando o mesmo algoritmo do “Quem Seguir”. Por exemplo, se você é um membro de alguma sociedade protetora dos animais, não vai sugerir uma marca de frigorífico como empresa a ser seguida. E por aí vai.

Hoje também circulou a informação de que os “tweets patrocinados” (promoted tweets) estão custando cerca de 100 mil dólares, e a plataforma tem agradado às grandes empresas como Starbucks, Virgin e Coca-Cola.

Ao WSJ, Shiv Singh, chefe da divisão de marketing digital da Pepsi, afirmou que esses tweets pagos são “um tipo totalmente novo e diferente de formato de anúncio. Temos muito a aprender e pensar a respeito dele”. Já para David Cohen, diretor do braço digital da Univeral McCann, o Twitter está sob “deliberação do júri”. Ou seja, o mercado ainda está analisando se o microblog funciona de forma efetiva como uma plataforma de anúncios em que os usuários, de fato,  prestam atenção.

Fonte: http://idgnow.uol.com.br/mercado/2010/09/27/promoted-accounts-twitter/