O cofundador da Apple Steve Jobs renunciou nesta quarta-feira como CEO da companhia. O executivo vai presidir o conselho de administração da empresa. O diretor de operações da Apple, Tim Cook, assume como CEO da empresa, segundo a Reuters. Em carta dirigida aos diretores da Apple, Jobs afirma que fez os melhores amigos da sua vida na empresa. “Sempre disse que, se chegasse o dia que eu não poderia mais cumprir minhas funções e expectativas como CEO da Apple, seria o primeiro a informar. Infelizmente, esse dia chegou”, diz a nota.

Em janeiro, Steve Jobs enviou um e-mail aos funcionários da companhia avisando que iria se afastar da empresa sem prazo determinado para voltar. Cook assumiu o cargo de diretor-executivo interinamente em janeiro, durante licença-saúde de Jobs. O executivo já havia estado no comando da empresa em outros dois momentos: em 2004, por dois meses, quando Jobs passou por uma cirurgia, e em 2009, por vários meses, quando Steve Jobs fez um transplante de fígado.

Leia a íntegra do comunicado de Steve Jobs:

Ao conselho de diretores da Apple e à comunidade Apple:

Sempre disse que, se chegasse o dia que eu não poderia mais cumprir minhas funções e expectativas como CEO da Apple, seria o primeiro a informar. Infelizmente, esse dia chegou.

Eu, aqui, renuncio ao cargo de CEO da Apple. Gostaria de atuar, se o corpo diretivo achar correto, como presidente do corpo diretivo, diretor e funcionário da Apple.

Até onde posso indicar meu sucessor, recomendo fortemente que executemos nosso plano de sucessão e nomeamos Tim Cook como CEO da Apple.

Acredito que os dias mais brilhantes e inovadores da Apple ainda estão por vir. E aguardo para ver e contribuir para este sucesso em um novo papel.

Fiz os melhores amigos da minha vida na Apple, e agradeço a todos por muitos anos de trabalho ao seu lado.

Steve

Fonte: http://tecnologia.terra.com.br/noticias/0,,OI5311627-EI15608,00-Steve+Jobs+renuncia+como+CEO+da+Apple.html