A Sony anunciou a chegada das suas primeiras TVs BRAVIA LCD-LED 3D série LX900 no mercado japonês para meados deste ano. Mas apesar de todo o oba-oba em cima dessa nova tecnologia, o que mais me chamou a atenção é que ela é capaz de ver quem está assistindo TV podendo fazer ajustes de imagem e de som de acordo com quem estiver na sala.

Disponível nos modelos de 40, 46, 52 e 60 polegadas, essa nova série topo de linha será capaz de apresentar imagens em Full-HD e — ao contrário de sua arqui-rival Panasonic — virá com dois óculos ativos (aparentemente os mesmos que o Henrique viu na demo da NET)  de brinde (yay!) ao invés de um. E além do pretinho básico, também haverá versões nas cores azul para meninos e pink para meninas.

Mas como ia dizendo, o mais interessante desse aparelho é o chamado “Intelligent People Sensor” onde uma pequena câmera localizada na sua base que utiliza a tecnologia de detecção de face e de movimento (aparentemente a mesma usada nas câmeras digitais) para verificar se tem alguém na frente da  TV e sua posição relativa em relação a mesma. Com essas informações o aparelho é capaz de, por exemplo, ajustar o nível de som e imagem mais confortável para o local onde o telespectador estiver sentado e até mesmo escurecer a tela caso ele não reconheça alguma face (o que pode ocorrer caso tenha alguém na sala mas ninguém esteja olhando para a TV). De fato ela poderá até mesmo se desligar automaticamente caso não note a presença de alguém na sala, poupando assim uma boa quantidade de energia.

Mais interessante ainda é sua capacidade de perceber se alguma criança está muito perto da TV. A câmera possui um algoritmo capaz de identificar a face de uma criança e caso uma esteja a menos de um metro da TV, esta apresenta um aviso na tela do tipo “Por favor afaste-se da tela”. Para mim só não ficou claro se isso serve para não prejudicar a vista dos infantes ou se é só para resguardar o painel LCD de uma terrível pancada de Wii-mote.

Fonte: http://zumo.uol.com.br/2010/03/17/sony-anuncia-tv-3d-que-fica-de-olho-no-espectador/