O Estado russo planeja renovar seus serviços de computador com um sistema rival do Windows para reduzir sua dependência à norte-americana Microsoft. A ideia também é monitorar melhor a segurança dos computadores.

Moscou deve investir US$ 4,9 milhões de dólares para desenvolver um sistema nacional de software baseado na plataforma Linux.

“Nós nos tornaremos independentes do Windows, mas existe o risco de que nos tornemos um implante impensado do Linux”, disse Ilia Ponomarev, deputado russo e especialista em computação.

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/tec/821715-russia-quer-desenvolver-rival-do-windows.shtml