O Nubank anunciou hoje que começará a oferecer contas bancárias para seus usuários. Chamada de NuConta, ela pretende, segundo a empresa, dar a 100% da população brasileira a oportunidade de abrir uma conta bancária.

Clientes do cartão poderão abrir a conta com apenas dois cliques no aplicativo do cartão. Quem ainda não tem o cartão precisará baixar o app e fazer o cadastro – nesse caso, não há a necessidade de esperar análise de crédito, a conta se abre imediatamente. Nos dois casos, não há nenhuma tarifa.

Diferentemente de outras contas, o dinheiro colocado na NuConta gera renda automaticamente para o cliente, sem que seja necessário que ele o aplique. De acordo com o CEO e fundador da Nubank, David Velez, essa função tem o objetivo de facilitar o acesso a investimentos. “O conhecimento para investir é monopolizado por uma pequena porcentagem de pessoas”, considera.

Por meio da NuConta, também será possível realizar o pagamento da fatura do cartão do Nubank imediatamente. Quando o pagamento é feito por meio da NuConta, ele cai imediatamente, liberando o limite do usuário.

Também é possível realizar transferências entre clientes da NuConta por meio de código QR, em tempo real, sem tarifa. A conta também permite transferências para outros bancos mas, nesse caso, há tarifas envolvidas e o valor não é transferido imediatamente. Por enquanto, ainda não é possível realizar saques ou realizar pagamentos no débito.

Disponibilidade

A empresa diz ter três objetivos com o lançamento deste produto: dar acesso a experiências bancárias a uma porcentagem maior da população, permitir transferências sem tarifas, e ampliar o acesso da população a informação referente a investimentos.

Segundo o Nubank, ao longo dos próximos dias a NuConta começará a ser liberada em fase beta para alguns dos usuários, e chegará para os demais clientes da empresa ao longo dos próximos meses. Quem quiser se inscrever para ter acesso antecipado ao recurso pode se inscrever em NuBank. A empresa pretende que a NuConta esteja disponível para todos no primeiro trimestre de 2018.

Fonte:
Olhardigital