A Google acaba de anunciar o lançamento de uma nova rede social, que está a ser vista como mais uma tentativa para travar a hegemonia do Facebook.

O Google+ , assim se chama o novo projeto, será seguramente o primeiro grande desafio que o co-fundador Larry Page tem pela frente, desde de que assumiu a direção-executiva da empresa em abril.

Apesar de liderar no domínio das pesquisas online, todas as tentativas da gigante norte-americana da Internet para conquistar espaço nas redes sociais fracassaram. Dois exemplos: Google Wave e Google Buzz .

“Eles puderam dar-se ao luxo de cometer erros, mas não podem voltar a falhar”, afirma Ray Valdês, analista de mercado da consultora Gartner à agência Reuters.

“As empresas bem sucedidas na web social conquistarão a audiência e, muito provavelmente, as receitas da publicidade, que são tão importantes para a Google”, acrescentou a mesma fonte.