Não satisfeita em comprar um dos serviços mais famosos no segmento de comunicação via VoIP, a Microsoft quer agora a maior no mercado de aparelhos móveis.

Há rumores de que a gigante de tecnologia estaria próxima de um acordo com a Nokia e que o negócio – mais de US$ 30 bilhões – seria fechado ainda este ano. A Microsoft iria incorporar a divisão móvel da Nokia, que deixaria, então, de produzir smartphones.

A informação foi divulgada pelo blogueiro russo Eldar Murtazin através do Twitter. Especializado em tecnologia, Murtazin tem fontes dentro da companhia finlandesa e foi quem adiantou que as duas empresas estavam próximas quando a Nokia decidiu colocar o Windows Phone 7 em seus smartphones.

O russo também levantou rumores acerca da morte da Ovi. Pouco tempo depois, a Nokia acabou mesmo anunciando que descontinuaria a marca, mudando os “Ovi Services” para “Nokia Services”.

Compras e mais compras

No último dia 10, a Microsoft oficializou a compra da Skype por US$ 8,5 bilhões, a maior quantia já paga pela companhia em uma negociação. Isso, mais o fato de já haver uma parceria com a Nokia no valor de US$ 1 bilhão, já é motivo de desconfiança quanto à afirmação do blogueiro.

Mas, no ano passado, a Microsoft fez uma tentativa frustrada de adquirir a Yahoo!, tendo colocado US$ 40 bilhões na mesa. Ou seja, o dinheiro necessário para a operação está disponível, basta aplicá-lo.

O site Soft Sailor destaca que a situação, apesar de levantar desconfiança, já era esperada por alguns analistas desde quando Stephen Elop assumiu o cargo de CEO na Nokia, já que ele trabalhou antes na Microsoft.

Fonte: http://www.adnews.com.br/midia/115302.html