A Microsoft lançou uma ofensiva de marketing que coloca na mesa os argumentos levantados pela Apple em sua exitosa publicidade “Get a Mac”.

Tentando abandonar de vez o rastro deixado pelo Windows Vista, a Microsoft quer tirar vantagem do sucesso de crítica de Windows 7 e ter sucesso na peça que apresenta PCs com Windows como mais divertidos, fáceis de usar, mais compatíveis com outros eletrônicos e melhor no compartilhamento de conteúdo que os Mac. A campanha “PC versus Mac” foi lançada pela fabricante no site do Windows 7. (http://www.microsoft.com/windows/windows-7/compare/pc-vs-mac.aspx)

A Apple utilizou dos mesmos atributos em sua publicidade “Get a Mac” que rodou no mercado norte-americano por três anos. Ao lançar a peça, a fabricante do Mac tirou vantagem do descontentamento de usuários e empresas com o Vista.

Alguns sites especializados em PCs pediram para a Microsoft pontuar as principais limitações dos computadores da Apple como ausência de leitor Blu-ray, sintonizador de TV, leitor de cartão de memória e 3G embutido.

O sucesso do Windows 7 tem permitido à Microsoft ser mais agressiva nos ataques à Apple. Lançado em outubro do ano passado, a companhia vendeu 90 milhões de cópias até março, fazendo do sistema operacional o de vendagem mais rápida na indústria de PC.

A Apple, entretanto, não assiste a esta festa sentada. No último trimestre, a companhia vendeu 3,47 milhões de Macs, um salto de 33% em relação ao mesmo período do ano passado.

Fonte: http://www.itweb.com.br/noticias/index.asp?cod=70836