A empresa do maior buscador do mundo está fazendo agora duas buscas: um executivo para substituir o presidente da Google no Brasil e um para vice-presidente da Google América Latina.

Os dois cargos eram ocupados por Alexandre Hohagen, que anunciou sua saída na manhã desta segunda-feira (14). Motivo: foi contratado pelo Facebook para ser vice-presidente de vendas na América Latina.

Em comunicado, a assessoria do Facebook disse que Hohagen “liderará as operações da rede social na região e estruturará uma equipe para trabalhar diretamente com marcas locais e globais, em resposta à crescente procura por produtos de marketing do Facebook.”

Hohagen era diretor geral da Google America Latina, quando foi chamado para assumir interinamente o cargo de presidente da Google do Brasil em setembro de 2010, já que Alex Dias tinha saído para se tornar CEO da rede de faculdades Anhanguera.

Ficou nos dois postos e, há menos de um mês, havia sido promovido de diretor para vice-presidente da Google America Latina, continuando, no entanto, como presidente da unidade brasileira.

No entanto, a promoção e os seis anos de empresa não foram suficientes para segurar no executivo no cargo. Hohagen já foi diretor geral da HBO Brasil e teve passagens por UOL, ABN Amro, Boehringer Ingelheim e Dow Chemical do Brasil.

A assessoria do Google disse que não está definido um nome para ocupar o cargo. Em nota, a empresa comunicou que “está em busca de um novo líder que possa aproveitar ao máximo as grandes oportunidades que a região, marcada pelo incrível crescimento, oferece”.

Fonte: http://blogs.estadao.com.br/radar-tecnologico/2011/02/14/facebook-%E2%80%98rouba%E2%80%99-da-google-seu-principal-executivo-no-brasil/