Uma escola privada do Tennessee, nos Estados Unidos, vai exigir a utilização de equipamentos iPad aos estudantes entre os 8 e os 18 anos, que irão substituir os livros em papel.

A Webb School de Knoxville vai facultar o aluguer de equipamentos iPad, à venda no mercado norte-americano por 500 dólares (366 euros), aos alunos com menos recursos, indicou Jim Manikas, director do departamento de tecnologia da instituição.

Jim Manikas explicou que se trata também de uma questão de “saúde”, uma vez que os alunos carregam pesadas mochilas todos os dias com os livros de que precisam.

“Temos alunos que levam quase 20 quilos em livros de papel, enquanto um iPad pesa menos de um quilo”, comparou o responsável, em declarações à imprensa local, citadas pela agência Efe.

Os funcionários da escola afirmaram que as páginas de redes sociais como o Facebook e o Twitter serão bloqueadas dentro do campus escolar.

Elli Shellist, professora de inglês da Webb School, mostrou-se “entusiasmada” porque “com estes tablets há coisas que se podem fazer muito melhor do que em textos de papel”.

Esta escola do Tennessee soma-se assim a outras instituições educativas a anunciar aulas exclusivamente através destes equipamentos da Apple. Também a Seton Hill University, na Pensilvânia, e a Universidade de Notre Dame, no Indiana, anunciaram uma medida semelhante.

Fonte: http://www.jn.pt/PaginaInicial/Tecnologia/Interior.aspx?content_id=1766615