Desde IPO da rede social em maio o valor das ações tem caído na bolsa.
Na quinta-feira (16), valor dos papeis caíram abaixo dos US$ 20.

O fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, disse em encontro com os funcionários da rede social que “é doloroso acompanhar a queda no valor das ações” da empresa, segundo reportagem do jornal “Wall Street Journal”. O encontro, ocorrido na sede da empresa no início de agosto foi uma tentativa de levantar a moral da companhia.

No encontro, ele afirmou que não gosta de começar toda reunião com acionistas falando sobre o valor dos papeis da empresa na bolsa de valores em um mercado tão volátil, teria dito segundo o jornal. Ele pediu que os funcionários que também são donos das ações mantenham a calma.

Ele também disse aos funcionários que “a imprensa não sabe do futuro da companhia e de seus planos de crescimento e, caso soubessem, eles teriam a mesma fé na habilidade do Facebook em valorizar as ações da empresa em um mercado volátil”. Zuckerberg acredita que os investimentos feitos nos últimos 12 meses ainda terão resultados positivos no futuro.

Desde a operta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) do Facebook em maio, o valor dos papeis da empresa caiu consideravelmente, alcançando uma redução de 47%. Na quinta-feira (16), as ações despencaram 7% com os papeis sendo vendidos a US$ 19,95. Na estreia do IPO, eles valiam US$ 38 cada. Desde maio, o Facebook já perdeu US$ 40 bilhões.

O Facebook, maior rede social do mundo com 955 milhões de usuários, tem visto queda em suas ações desde a estreia que havia definido valor de mais de US$ 100 bilhões para a empresa.

Preocupações sobre o lento crescimento de receita da companhia e sobre sua capacidade de produzir dinheiro com propaganda em aparelhos portáteis como celulares têm pressionado as ações.

Em 14 de novembro mais de 1,2 bilhão de papéis da empresa estarão disponíveis para operação. Até lá, o presidente do Facebook, Mark Zuckerberg, não poderá vender suas ações.

Fonte: http://g1.globo.com/tecnologia/noticia/2012/08/e-doloroso-ver-acoes-caindo-diz-mark-zuckerberg.html