Dell entrou com uma ação contra cinco fabricantes de telas LCD,  acusando-os de formação de cartel, com a fixação em conjunto de preços de produtos.

O processo foi iniciado na sexta-feira (12/3) na Corte Distrital dos Estados Unidos na Califórnia, contra Epson, Hitachi, Sharp, Toshiba e HannStar, de acordo com o representante da Dell, David Frink.

“As telas de LCD foram vendidas por preços artificiais e inflados, feitos por o que acreditamos ser uma colaboração ilegal”, disse Frink.

Saiba mais na Computerworld Brasil.