Fileiras de servidores de alta performance, com sistemas inteligentes de consumo de energia, estendendo-se até onde a vista enxerga. Esse é o coração do Facebook. Ou, em termos mais diretos, odatacenter da rede social, situado no Oregon, Estados Unidos. É aqui que todas as informações atreladas aos mais de 800 milhões de usuários da rede social inventada por Mark Zuckerberg são devidamente processadas.

O Facebook, em parceria com a Intel, construiu placas de servidores especialmente desenhadas para o consumo inteligente de energia e a redução de diversos parâmetros: segundo os engenheiros que trabalharam na criação do datacenter (que foi levantado do zero, sendo que, antes, o Facebook alugava espaços de outras empresas), a ideia é criar um ambiente simplista, sem a necessidade de objetivos específicos na construção. Paredes concretadas da mesma forma que você faz na sua casa servem perfeitamente para o Facebook.

As placas em si são inteligentes e customizadas: o Facebook não informa a quantidade de processadores, servidores ou mesmo a quantidade de armazenamento disponível, mas garante passar das “dezenas de milhares”, conforme visto na página de imprensa da Intel.

E não para por aí: ainda na página de imprensa da fabricante de processadores, reside a informação de que mais dois centros de processamento estão em construção. O próximo deve entrar em funcionamento ainda este ano, na Carolina do Norte, também nos EUA.

Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/produtos/digital_news/noticias/veja-imagens-do-datacenter-do-facebook