Com ajuste da inflação, valor de mercado de 1999 ainda é superior ao atual da Apple

Os US$ 622 bilhões de valor de mercado, alcançados nessa segunda-feira pela Apple, não fazem dela a empresa mais valiosa de todos os tempos nos Estados Unidos se a inflação for considerada. Ao se adotar esse critério, a Microsoft mantém-se na liderança com a marca estabelecida em 1999.

No fim do milênio, a empresa de Bill Gates atingiu US$ 618,9 bilhões em valor de mercado. E, com a correção, esse valor atualmente seria de US$ 850 bilhões, ainda superior ao da Apple.

De acordo com o New York Times, as ações da Apple precisam fechar a US$ 910 para a empresa bater a marca da Microsoft. Ontem, os papéis fecharam valendo US$ 648,11.

Com o crescimento da empresa nos últimos anos, não será nenhuma surpresa se em breve ela realmente se tornar a mais valiosa. Quando Tim Cook assumiu o posto de CEO, após a renúncia de Steve Jobs, os papéis da Apple valiam cerca de US$ 350 – quase dobraram em um ano.

Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/negocios/digital_news/noticias/microsoft-ainda-e-a-empresa-mais-valiosa-de-todos-os-tempos