celular-chip

É publicado nesta segunda-feira, 7, um relatório anual da UIT (União Internacional de Telecomunicações) com uma informação que para os brasileiros terá gosto de notícia velha: o Brasil tem a tarifa de celular mais cara do mundo.

O órgão da ONU analisou 161 países e deixou claro que o nosso está entre os piores, em termos financeiros. Contando também com o que se cobra por aqui pelo uso de telefone fixo e internet, o Brasil fica na 93ª posição.

Adiantado pelo Estadão, o relatório diz que o custo médio do minuto falado ao celular em horário de pico sai por US$ 0,71 entre linhas de mesma operadora, mas sobe para US$ 0,74 quando ocorrem chamadas entre prestadoras diferentes.

São valores três vezes superiores que os praticados nos Estados Unidos ou em Portugal. Em comparação com a Espanha, de onde vem a Telefônica (dona da Vivo), estamos pagando cinco vezes mais.

Colocado de frente com Hong Kong, onde a tarifa por minuto é de US$ 0,01 fora do horário de pico, o brasileiro está pagando 70 vezes mais.

Quanto à banda larga, a situação não é tão ruim: 54 países têm taxas menores que a nossa, que é a terceira mais barata da América

Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/pro/noticia/38078/38078