No mês de setembro foram apreendidos no Brasil 187,4 mil CDs de software falsificados, percentual 81,5% superior na comparação com o mês de agosto, segundo balançado da Associação Brasileira das Empresas de Software (Abes) e da Entertainment Software Association (ESA).

Foz do Iguaçu e Minas Gerais apresentaram os maiores saldos de mídias retiradas de circulação, sendo 74,7 mil e 57,9 mil, respectivamente. Durante o período também foram retirados do ar 23 sites que comercializavam software ilegais e 1,4 mil anúncios destinados à mesma finalidade.

Fonte: http://convergenciadigital.uol.com.br/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=24042&sid=5