O estudo da Strategy Analytic, apresentado ontem indica que, entre Julho e Setembro, o tablet da Apple tenha representado 95% deste mercado emergente. No entanto, os analistas apontam para a possibilidade de um cenário diferente a curto prazo, à medida que a concorrência apertar.

No terceiro trimestre de 2010 foram vendidos 4,4 milhões de tablets, mais 900 mil unidades que no trimestre anterior. O iPad, lançado a 3 Abril deste ano, lidera a atenção sobre esta nova categoria situada entre os PC tradicionais e os smartphones.

“A guerra dos tablets está acesa”, adverte Neil Mawston, um dos responsáveis do estudo. “A Apple soube aproveitar a sua marca, a extensão da sua presença no retalho e o seu design user-friendly para transformar o segmento num negócio de milhões”. Outras plataformas, como a Android, a Microsoft, a MeeGo [da Nokia e Intel], a webOs [da HP] e a Blackberry têm muito espaço para crescer, e estão a trabalhar para isso, avisou o analista.

O sistema operacional da Android, o segundo do mercado, ganhou 2,3% no período dos três meses em análise. As perspectivas são que a quota cresça no trimestre corrente, com a entrada de modelos como o Samsung Galaxy Tab [comercializado em Portugal] que utiliza o sistema Android.

A Microsoft, por sua vez, ameaça com o lançamento de um tablet com o sistema operativo da empresa, a ser apresentado ao público até ao Natal.

Fonte: http://www.ionline.pt/conteudo/86555-apple-domina-95-do-mercado-mundial-dos-tablets