A Apple registrou uma patente nos EUA que já causa polêmica. De acordo com o registro, a fabricante americana poderá bloquear à distância iPhones roubados ou atacados por hackers.
Alguns especialistas acreditam que, com essa ferramenta, a companhia poderá inutilizar iPhones desbloqueados ou que rodem aplicativos que não foram baixados oficialmente de sua loja virtual, o iTunes.

Tanto nos EUA quanto no Brasil o desbloqueio é garantido por lei.

Hoje, clientes da Apple já podem rastrear seus aparelhos “esquecidos” via GPS pelo site da empresa. O novo sistema será um passo adiante. Uma vez acionado, poderá bloqueá-los, principalmente em casos de assalto.

Nesse caso, o aparelho fará fotos de quem o manusear automaticamente. Também gravará vídeos para registro de voz. É a patente desse sistema que a Apple registrou.

Por ele, um cliente devidamente cadastrado autorizará a empresa a salvar dados bancários, por exemplo, ou arquivos pessoais para um servidor (computador) da própria Apple.

Caso o aparelho tenha sido roubado, a Apple apagará todos os dados do telefone à distância. Isso também acontecerá em caso de clonagem ou um ataque de hacker.

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/tec/787932-apple-bloqueara-iphones-a-distancia.shtml