O Android é um imã de malwares e outros softwares com códigos maliciosos, apontam números da McAfee. O crescimento da procura por smartphones com a plataforma desenvolvida pelo Google também acompanha um crescimento de softwares que roubam dados dos usuários, de acordo com a CNet.

Quase todos os malwares para celulares detectados pela empresa de segurança no terceiro trimestre de 2011 foram voltados para usuários de Android. No segundo trimestre, cerca de 60% dos programas maliciosos eram feitos para Android.

Na imagem, o crescimento dos malwares para Android desde o começo de 2010

A principal característica desses softwares é a coleta de informações pessoais e roubo de dinheiro dos usuários. Alguns ainda gravam conversas telefônicas feitas no celular.

Devido ao crescimento dos programas indesejados no Android, a McAfee aumentou a previsão de malwares para 2011. A empresa esperava detectar 70 milhões de softwares maliciosos durante o ano, mas agora aumentou o número para 75 milhões.

Outros dados do relatório da empresa mostram que golpes como ofertas de anti-vírus falso e roubo de senhas foram os tipos de malware mais comuns durante o trimestre. O crescimento da venda de computadores Mac também faz com que a plataforma da Apple torne-se alvo de hackers, segundo a McAfee.

Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/produtos/seguranca/noticias/android-e-um-ima-de-softwares-maliciosos,-diz-mcafee