Teste será realizado antes do leilão das faixas de frequência, planejado para 2020

Viavi Solutions vai trabalhar com a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) para avaliar e testar o espectro adequado para o 5G no Brasil. A empresa é uma provedora global de soluções de teste, monitoramento e garantia de rede para serviços de comunicações, fabricantes de equipamentos de rede civis e governamentais.

O leilão do 5G envolverá o espectro nas faixas de frequência de 700 MHz, 2,3 GHz, 3,5 GHz e 26 GHz. A Anatel disse anteriormente que não planeja gerar receita a partir dos lances. Em vez disso, buscará compromissos de investimento de licitantes com prazos para a implementação da rede, bem como metas de cobertura e capacidade que devem ser cumpridas.

Para garantir o uso das faixas de frequências para implantações 5G, a Anatel está avaliando a coexistência entre o IMT-2020 (Telecomunicações Móveis Internacionais), sinais analógicos de TV e sistemas de recepção de televisão digital via satélite em várias faixas de frequência. A Viavi disse que sua equipe está sendo usada para medir e solucionar problemas de sinais 4G LTE e 5G NR.

“O leilão no Brasil representa uma tremenda oportunidade para as operadoras da região”, disse Luiz Cesar Oliveira, vice-presidente para as Américas da Viavi. “Os dados, o vídeo e a Internet das Coisas (IoT) provavelmente impulsionarão o crescimento massivo do número de dispositivos que usam ondas brasileiras nos próximos anos, tornando essencial para as frequências leiloadas serem capazes de lidar com os requisitos esperados da 5G”.

A fabricante finlandesa Nokia disse recentemente que o Brasil conduzirá o maior leilão do mundo para 5G no ano que vem. Em uma entrevista à Reuters, Wilson Cardoso, CTO da Nokia na América Latina, disse que a empresa estava firmemente voltada para o lançamento do 5G no Brasil, sendo este mercado o maior da região. O executivo também destacou que este próximo leilão pode ser o maior leilão até hoje, se a Anatel finalmente decidir vender as quatro frequências no mesmo evento.

A Nokia começou a testar a tecnologia 5G no Brasil em fevereiro de 2018 com a operadora local TIM Participações, a subsidiária local da Telecom Itália. Cardoso disse que a empresa finlandesa também realizou testes com outras operadoras brasileiras. A Ericsson e a Huawei também estão envolvidas em testes de 5G com operadores brasileiros.

Fonte: https://olhardigital.com.br/noticia/anatel-define-empresa-que-vai-testar-o-espectro-5g-no-brasil/89534